The Roaring Twenties!

Já faz um tempinho que nós, aqui do EE, queremos escrever este post, e agora, mais do que nunca, parece ser a hora exata: da première no dia 1º de Maio até a estréia no Brasil, no dia 7 de Junho, The Great Gatbsy vai, certamente, ser um dos grandes assuntos deste período.

Dirigido por Baz Luhrmann, o novo longa baseado na obra de F. Scott Fitzgerald, um dos cânones do século passado, promete muito champagne, figurino afinado e all that jazz! Assim como o sucesso anterior, estrelado por duas importantes figuras de sua época, Robert Redford e Mia Farrow – o filme, aliás, ajudou a consolidar a imagem de Redford como um dos homens mais elegantes e sensuais de todos os tempos – , The Great Gatsby (2013) traz Leonardo DiCaprio e Carey Mulligan nos papéis principais, dois atores extremamente capazes e com carreiras bastante interessantes.

gatsby's_partyThe-Great-Gatsby-Robert-R-006

A história do milionário misterioso e solitário que sonha em conquistar a superficial e egocêntrica Daisy Buchanan serve de pano de fundo para extravagancias e idealismos e para um espetáculo de encher os olhos: todo o imaginário acerca da década de 1920, conhecida como Jazz Age e Roaring Twenties, está presente e se hoje se tem “sexo, drogas e rock and roll” é somente porque na época de Jay Gatsby havia “sexo, champagne e jazz”

Esta décade, inclusive, tem sido temática constante em medias diversas, como a série Boardwalk Empire, hit de sucesso da HBO, os filmes The Cat’s Meow e Brideshead Revisited, além de inúmeros editoriais e coleções de moda, notoriamente Ralph Lauren, Alberta Ferretti e Gucci.

Brideshead Revisited  MV5BMTE5ODg3NzMxOV5BMl5BanBnXkFtZTYwMDYwMzU3._V1._SX475_SY749_

Berço de grandes e drásticas mudanças sociais e estéticas, principalmente, os anos 20 viram os espartilhos ficarem mais soltos e até mesmo excluídos da indumentária feminina, as saias e os cabelos encurtarem, os decotes aumentarem e os tecidos se tornarem mais fluidos. Se a música era o jazz, o que se dançava era, entre outros, o charleston, e por isso tantas franjas e bordados: para que os vestidos brilhassem e ganhassem movimento nas colossais festas que caracterizavam, inclusive, o dia-a-dia dos mais abastados boêmios – também conhecidos como “beautiful people”, “cafe society” e “bright young things”. Foi uma década de excessos que abriu caminho para a libertação sexual e financeira feminina e para sempre mudou as regras dos jogos de até então.

00340fullscreen00540fullscreen00360fullscreen

ranyamordanovajaniceseinenalidavogueturkeymarch2012323i6ij8

Assim como a arquitetura, as artes e objetos de decoração, a estética do vestuário e acessórios de 1920 sofreu influência do oriente, dos Ballets Russes, do povo romani, do norte africano, e conseguiu misturar a rigidez geométrica de formas retas com linhas orgânicas e naturais, como visto nas chamadas Art Deco e Art Nouveau, rendendo fortes decorativismos, brilhos, transparências e plumas.

tumblr_lzbio9C1Ts1qg1naao1_500121107tumblrmcqb9odVhj1qbwvhpo1500

Não é a toa que, basta apenas uma menção de um estilista, cineasta ou artista, os Roaring Twenties voltam com tudo às lojas e ao gosto popular: é um dos períodos mais ricos, intensos e efervescentes da história da humanidade.

Para este novo filme do clássico americano, o figurino usado por Carey Mulligan leva assinatura da figurinista vencedora dos prêmios Oscar e Tony Catherine Martin e da designer Miuccia Prada: foi um delicado processo de construção de personagem para criar peças estilizadas, sem cair no que, muitas vezes, pode ser uma armadilha de executar um pastiche do que era usado. Segundo Prada, foi justamente a ideia de reler a Jazz Age o que mais a interessou no projeto, entendendo que mesmo criações de suas coleções mais atuais poderiam ser transferidas para o filme e sua época.

O cuidado com o figurino foi tamanho que o especialista em rendas francês Solstiss foi convidado a desenvolver material para o guarda-roupa dos personagens, e as jóias ficaram a cargo da famosa Tiffany & Co.

Segundo o ebay, que já viu um aumento de 530% na procura de peças inspiradas pela década em questão, indica que esse numero ainda deverá aumentar.

the-great-gatsby01The-Great-Gatsby_06

The-Great-Gatsby1

E por que não? Divertidos e sensuais, os anos de 1920 não saem de moda!

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s